CE vai debater os impactos da reforma da Previdência sobre professores

Compartilhe: Facebook Twitter Google+



Por solicitação das senadoras Fátima Bezerra (PT-RN) e Lídice da Mata (PSB-BA), a Comissão de Educação (CE) aprovou na terça-feira, 30, a realização de uma audiência pública para discutir os impactos que a proposta de reforma da Previdência - ainda em análise na Câmara dos Deputados como PEC 287/2016 - poderá ter para o setor da educação e seus profissionais.
 
Durante a reunião Fátima voltou a qualificar a proposta de reforma previdenciária do governo federal de "precarizante" e que, em conjunto com a reforma trabalhista (PLC 38/2017), constitui "um ataque avassalador sobre a classe trabalhadora, com impactos profundos na vida também de docentes e educadores de Norte a Sul do país".
 
"E essas mudanças não atingem só os trabalhadores da iniciativa privada, mas também servidores públicos federais da educação, alterando significativamente a estrutura das universidades e instituições de ensino superior, os institutos de educação profissional, científica e tecnológica", reforçou.
 
Serão convidados para a audiência, cuja data ainda será marcada, Elenildo Santos, presidente do Departamento Intersindical de Estudos e Pesquisas de Saúde e Ambientes de Trabalho; Arthur Macedo, presidente da Associação Nacional dos Centros Universitários; Heleno Gomes, presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação; Antônio Cunha, presidente da Federação Nacional das Escolas Particulares; Eblin Farage, presidente do Sindicato Nacional dos Docentes de Instituições de Ensino Superior; Eduardo Rolim, presidente da Federação de Sindicatos de Professores de Instituições Federais de Ensino Superior; e Carina Vitral, presidente da União Nacional dos Estudantes (UNE).
 
Com informações de Agência Senado

INFORMAÇÕES PARA CONTATO

Rua Vicente da Fontoura, 1262/203
Rio Branco - Porto Alegre/RS.

Telefone: (51) 3235-2265

E-mail: feteesul@feteesul.org.br