Técnicos e administrativos do Ensino Privado do RS seguem sem avanços econômicos nas mesas de negociação

Compartilhe: Facebook Twitter Google+



Sindicatos de técnicos e administrativos do Ensino Privado do RS, filiados à FeteeSul, e o sindicato patronal, Sinepe-RS, realizaram nesta terça (4) a quarta rodada de negociações da Campanha Salarial 2017 para a construção das Convenções Coletivas de Trabalho (CCTs).
 
Educação Superior

Os Técnicos e Administrativos representados pelos dirigentes dos sindicatos filiados à FeteeSul refutam a posição retrógrada do SINEPE/RS em relação às reivindicações do reajuste salarial, piso salarial da categoria, vale-refeição e vale-transporte, entre outras. Essa posição dos dirigentes do SINEPE representa um retrocesso no processo da negociação e isso não será aceito.

Conforme Celso Woyciechowski, coordenador geral da FeteeSul, os sindicatos serão ainda mais incisivos nas ações de Campanha – que já vêm sendo realizadas, inclusive junto às instituições de ensino. “As mensalidades foram reajustadas muito acima deste índice e sabemos que as instituições têm condições para suportar financeiramente a nossa reivindicação”, afirma.

“Vocês usaram os funcionários no momento de argumentar à sua clientela quais eram os motivos do alto aumento das mensalidades. Sabemos que vocês dizem que é para pagar os trabalhadores. Mas, no momento da negociação, isso deixa de ser verdade”, argumenta Ademar Sgarbossa.
 
Educação Básica

Novamente, o Banco de Horas centralizou as discussões na mesa da Educação Básica. Ficou acordada a necessidade de adequação da cláusula para evitar novos problemas na sua aplicação. O jurídico dos sindicatos dos técnicos deve propor nova redação da cláusula ainda no decorrer da semana, para ser encaminhada à apreciação da mesa patronal.  

Os representantes dos técnicos e administrativos destacaram, na rodada, cláusulas com caráter econômico que ainda não foram discutidas, como gratuidade do vale transporte, adicional de titulação profissional e ajuste na cláusula do plano de saúde. Cobraram também da mesa patronal um posicionamento sobre as reivindicações já discutidas, como reajuste salarial de 7%, concessão de vale alimentação e piso salarial. O Sinepe se comprometeu a apresentar um posicionamento na próxima reunião.
 
Próxima rodada - 11 de abril, às 14h.

INFORMAÇÕES PARA CONTATO

Rua Vicente da Fontoura, 1262/203
Rio Branco - Porto Alegre/RS.

Telefone: (51) 3235-2265

E-mail: feteesul@feteesul.org.br